• comidinhas / Receitas

    Comidinhas festivas

    Ressignifiquei as festas de final de ano a ponto de se tornarem um ritual onde me reúno com poucas e boas pessoas. Apesar de não gostar muito da data, acabo me rendendo ao feitio de comidinhas coloridas, bonitas e cheias de textura para compartilhar com quem amo. Como já sou daquelas que mima os migos e parentes com comida o tempo todo, resolvi listar comidinhas para compartilhar ou dar de presente.

    Talvez, se você presentear seu tio com chucrute, sua mãe com calda pra fazer refrigerante de maracujá (ou bons drinks), sua tia com pimentas confitadas e seu primo com geléia, eles vão ficar muito mais felizes do que ganhar um par de meias, hein? Hahaha!

    Para fazer essa lista dei preferência aos vegetais de dezembro, como manga, maracujá, berinjela, pimentão, cebola e tomates. Ou seja, nada de frutas secas por que estamos no verão e precisamos de frutas, frutos, legumes e verduras leves e cheios de água.

    1) Refrigerante de maracujá (que pode virar drink)

     

    Foto do @estevaoandrade

    Para obter o refrigerante vamos fazer uma calda bem grossa e depois misturar uma colherada generosa dela (sopa) em 1 copo de água gasosa com bastante gelo. Uma dose de cachaça ou de outra bebida alcóolica da sua preferência também cai bem aqui para fazer bons drinks.

    Aprendi essa receita com a Maria Fernanda, uma amiga querida que toca o projeto @cozinha.ambua. Depois dá um confere na conta dela, só tem lindeza.

    Ingredientes para a calda (rende 1 pote grande e várias porções)

    5 maracujás bem grandes

    1 copo de açúcar demerara (se você quiser, pode adicionar mais, pois o gosto do açúcar fica menos visível depois que a calda vai pra geladeira)

    1 pitada de sal

    1 pedaço pequeno de gengibre ralado (vai incorporar melhor assim)

    1 gota de óleo essencial de hortelã (opcional)

    Instruções

    Bata todos os ingredientes no liquidificador (à exceção do óleo essencial, se você tiver optado por usá-lo), e depois leve para uma panela alta.

    Deixe cozinhar em fogo médio até reduzir bastante e virar uma calda super grossa. Se for preciso, adicione mais açúcar pra ela ficar bem consistente.

    Espere esfriar, adicione o óleo essencial, misture e guarde na geladeira.

    Essa receita dura pelo menos 5 dias dentro da geladeira.

     

    2) Conserva de pimentas

     

    Foto da @laradias

    Essa receita pode ser feita com qualquer pimenta, então abuse do tipo de sua preferência, pois o que importa é assar numa temperatura bem baixinha.

    Na receita da foto usei 200g de pimenta biquinho e 100g de pimenta preta, mas a quantidade tanto faz, é só você não lotar demais o tabuleiro para assar igualmente e cobrir tudo com uma farta quantidade de azeite extravirgem, colocar especiarias e levar ao forno na temperatura mais baixa possível por cerca de trinta minutos (tomar cuidado para que não amoleçam).

    Minha receita preferida leva um ramo de alecrim fresco, cominho e sementes de coentro.

    Foto da @laradias

    Conserve num pote muito bem higienizado, a receita dura bastante tempo se colocada na geladeira.

     

    3) Geléia de maracujá, manga e gengibre

     

    Tive a honra de fazer a geléia da foto, que servi num evento, com 7 tipos de mangas diferentes!

     

    Eu amo geléias mas, se elas forem doces demais, não consigo comer. Prefiro as frutadas com um quê picante e fresco, por isso essa receita leva pimenta do reino e gengibre. Sei que muita gente não tem óleo essencial em casa, então saiba que o resultado vai ser bom do mesmo jeito.

    Ingredientes para 1 potão grande

    Suco de 1 limão

    1 cl. (café) de pimenta do reino (de preferência moída na hora)

    1 cl. (café) de sal

    2 copos cheios de polpa fresca de maracujá

    2 copos cheios de manga picada

    1 pedaço de 3cm de gengibre fresco

    2 copos de açúcar demerara (ou cristal mesmo)

    Noz moscada à gosto (rale uma pontinha bem pequenina da noz) (opcional)

    1 gota de óleo essencial da hortelã (opcional)

    Instruções

    Leve todos os ingredientes ao liquidificador, à exceção da gota de óleo essencial e do suco de limão, e vá pulsando até bater e ficar bem homogêneo.

    Leve à panela em fogo médio e mexa por pelo menos 20 minutos ou até reduzir e formar uma geléia bem grossa.

    Desligue o fogo, finalize com as gotas de limão e o óleo essencial, mexa novamente para incorporar e está pronta.

    Dura pelo menos 10 dias na geladeira.

     

    4) Cebola caramelizada

     

    Clique da @diniloris

    Só o nome já dá água na boca, né? Pois aqui vai uma receitinha fácil e inesquecível: as cebolas ficam agridoces e suculentes, de forma que podem ser servidas como antepasto ou acompanhar pratos diversos, como hambúrgueres, torradas, saladas ou o que sua imaginação mandar.

    Ingredientes para 1 porção grande

    500ml de água gasosa gelada

    5 cebolas roxas

    2 colheres (sopa) de azeite

    4 colheres (sopa) de açúcar mascavo

    1 colher (sopa) melado de cana (opcional)

    2 colheres de aceto balsâmico (opcional)

    1 pitada de sal

    Instruções

    Olha ela todaaaa chef hahaha

    Foto da @laradias

    Corte as cebolas em rodelas finas (mas não tão finas para que não queimem rapidamente durante o processo) e coloque para descansar na água gasosa por pelo menos 20 minutos. Isso vai tirar parte da acidez, ajudando a acentuar ainda mais a pegada agridoce.

    Após esse período, escorra bem a água.

    Pré-aqueça uma frigideira e adicione o azeite e as cebolas.

    Após, adicione 0 açúcar e vá mexendo até derreter.

    Em seguida adicione o aceto balsâmico, deixe reduzir mantendo sempre o fogo baixo e mexendo de vez em quando para não grudar.

    Adicione a pitada de sal e finalize incorporando melado de cana para o toque final.

    Dura pelo menos 3 dias na geladeira.

     

    5) Caponata de berinjela

     

    Foto da @camilarochav no dia que fiz essa caponata no Cozinha Intuitiva

    Dezembro também é época de pimentão e berinjela, então essa receita sempre está na mesa dos meus natais! Geralmente eu faço o dobro da quantidade abaixo, sirvo a metade como antepasto e a outra metade uso para rechear uma pasta, por exemplo.

    Ingredientes para 1 porção grande

    1 beringela grande picada em cubos
    2 cebolas médias cortadas em tiras
    1 pimentão vermelho cortado em tiras
    1 pimentão verde cortado em tiras
    1 dente de alho fatiado bem fininho
    Azeitona preta e  verde a gosto (opcional)
    100g de passas (opcional)
    Pimenta a gosto
    1 copo de azeite
    1 copo de água
    2 pitadas de sal
    100g de castanha de caju ou amendoim (opcional)
    1 semente de cumaru ralada (opcional)

    Instruções

    Misture todos os ingredientes numa tigela e mexa bem com a ajuda de uma colher.

    Leve ao forno por 20 minutos numa temperatura de 200ºC.

    Mexa e volte para o forno por mais 20 minutos ou até cozinhar no ponto de sua preferência.

    Retire do forno, deixe esfriar e coloque num vidro higienizado.

    Dura pelo menos 5 dias na geladeira.

     

    6) Chucrute (repolho fermentado)

     

    Foto querida @luisa.ranieri

    Adotei fermentados na vida e todos os dias como um cadinho. Mas evito comer muito pois descobri, a duras penas, que eles podem superpopular nosso intestino com todas as bactérias do bem que ficam ali e inchar bastante a barriga hahaha. Porém, nesta época em que acabamos cometento excessos, o chucrute vai dar uma força extra na digestão. Vai por mim!

    Ingredientes 

    1 repolho roxo médio

    2 cl. (sopa) de sal

    1 pote de vidro com tampa que vede bem higienizado

    Especiarias (opcional)

    Instruções

    Lave e corte o repolho em tiras finas e acrescente o sal.

    Amasse com as mãos até o repolho ficar macio e bem murcho e soltar bastante água.

    Coloque todo o conteúdo num pote (inclusive a água que soltou), aperte bem com a ajuda de uma colher e certifique-se de deixar um dedo de espaço entre o conteúdo e a tampa.

    Deixe descansar por 3 dias com a tampa semi aberta e vá apertando com uma colher limpa todos os dias pela manhã, para o conteúdo ficar sempre imerso na água. 

    Depois desses 3 dias, aperte bem a tampa, aguarde mais 3 dias e já pode consumir. Gosto de temperar saladas com o chucrute ou comer no meio da comida mesmo.

    De preferência conserve na geladeira, dura pelo menos 6 meses.

     

    7) Tomatinhos cereja confitados no azeite

     

    Foto da @camilarochav

    Dezembro é época de tomates! Essa receita é uma carta na manga: você pode comer com torradinhas, pães, usar para rechear assados, comer com saladas mil, incrementar pastas, tortas, escondidinhos… Sempre que acho tomatinhos orgânicos na feira faço essa receita!

    Ingredientes para 1 pote grande

    400g de tomatinhos cereja
    1 ramo de alecrim
    200ml de azeite extravirgem
    1/2 copo de água filtrada
    3 dentes de alho picados finamente
    Ervinhas secas ou frescas a gosto, como orégano, tomilho, etc.

    Instruções

    Disponha num tabuleiro pequeno os tomates, regue com o azeite e a água, acrescente o restante dos ingredientes e misture delicadamente.

    Leve ao forno na temperatura mais baixa possível.

    Pulo do gato: como os fornos caseiros costumam variar a temperatura, mas geralmente têm 180ºC como a temperatura mais baixa, coloque uma colher de pau entre o puxador e a tampa, deixando a tampa entreaberta para permitir que o ar circule. Isso serve para não fritar os tomatinhos, garantindo que eles vão cozinhar bem lentamente.

    O processo leva cerca de 40 minutos, e o ideal é mexer os tomates pelo menos uma vez para garantir que todos fiquem embebidos em azeite e não queimem ou simplesmente derretam. Gosto quando eles mantêm a pele, sabe?

    Espere esfriar e guarde num pote bem higienizado, vedando bem.

    Dura pelo menos 5 dias na geladeira.

    Se quiser receitas de pratos principais, clique aqui!

  • You may also like

    No Comments

    Leave a Reply

    Pin It on Pinterest

    Share This