• comidinhas / fermentados / Receitas

    Panqueca de aveia fermentada

    Quem me ensinou essa receita foi a Daniela Kohn, uma cozinheira que trabalha com fermentação selvagem na @acozinhanomade. Desde que aprendi adotei na vida: levo aveia em flocos grossos para todos os lugares para ter sempre uma opção de café da manhã ou lanchinho da tarde fácil.

    A fermentação de cereais é muito comum no mundo todo há milhares de anos. Se você quiser fazer outra receita além dessa, tente o chucrute!

    Ingredientes

    1 pote de vidro que vede bem (qualquer tamanho, com qualquer tipo de tampa)

    Aveia em flocos médios ou grossos* o quanto baste para encher o pote conforme instruções abaixo

    Água filtrada

    *a aveia em flocos finos vira uma papa, a receita acaba dando errado muitas vezes

    Preparando o pote

    Encha seu pote com 2/3 da aveia e cubra com a água filtrada, deixando pelo menos dois centímetros de espaço entre o conteúdo e a tampa para o pote não estourar durante o processo de fermentação, tá? 

    Feche a tampa e sacuda bastante até o líquido ficar esbranquiçado

    Como a aveia absorve água, se for preciso coloque mais um pouco acaso tenha virado uma papa seca. Ela precisa estar toda molhadinha, sem ficar líquida demais.

    Iniciando o processo de fermentação 

    Deixe essa misturinha fora da geladeira (pote tampado) por pelo menos 3 dias para que o processo de fermentação se inicie.

    Não se esqueça de sacudir o pote todos os dias, pelo menos 1x por dia, para misturar o conteúdo.

    Após esse tempo incial, guarde o pote na geladeira para desacelerar a fermentação. Se você morar num lugar frio, pode ser que tenha que deixar o pote fora da geladeira por um prazo maior.

    As bactérias vão fazer todo o trabalho para você, até a consistência da massa ficar assim:

    Aveia fermentada por cerca de 4 dias, pronta para fazer a panqueca
    Aveia fermentada, no ponto para fazer a panqueca!

    E esse cheiro estranho?

    A fermentação deixa os alimentos com cheiros estranhos mesmo, isso é normal. Quando comecei a me familiarizar com os fermentados sempre achava que minhas receitas tinham estragado haha! Com o tempo você vai acostumar, prometo! Caso queira aprofundar esse conhecimento, ao final do post, você encontra um link para adquirir meu livro de fermentação de vegetais 🙂

    A aveia separou da água, e agora?

    Nos lugares quentes é comum que isso aconteça, significa que os microorganismos se alimentaram bastante da massa. Nesse caso é só você escorrer com cuidado um pouco da água e depois agitar bem até voltar à consistência desejada.

    Como fazer a panqueca?

    Sempre que for fazer a panqueca, misture antes o conteúdo dentro do pote agitando bem.

    Para uma panqueca de aveia de tamanho médio, você precisará espalhar numa frigideira untada cerca de 4 ou 5 cl. (sopa) da massinha, tudo vai depender da consistência e do tamanho da frigideira. Gosto quando fica bem fininha!

    Ligue o fogo e coloque a frigideira bem no centro, mantendo a chama bem baixinha para não matar os microorganismos.

    Quando você perceber que a panqueca desgrudou do fundo, vire com a ajuda de uma espátula (se ela estiver mole, espere mais um pouco).

    O ideal é deixar a panqueca molinha por dentro, e isso não significa que está crua, pois lembre-se que o processo de fermentação por si só já “cozinhou” a aveia. Mas há quem prefira bem crocante – nesse caso, é só deixar mais tempo em fogo baixo.

    Deixe formar uma leve crocância de ambos os lados e está pronta, olha que belezinha:

    Panqueca de aveia pronta
    Doure de ambos os lados até adquirir essa cor da foto e está pronta!

    Acompanhamentos para a panqueca de aveia fermentada

    Como a aveia é neutra, recheie como quiser. Amo comer com uma colherada de tahine, pasta de amendoim e granola. Vale também passar uma boa colherada das pastinhas de sua preferência, como pesto, homus e por aí vai. Aqui no blog, inclusive, você encontra todas essas receitas!

    Alimente seu pote

    Sempre vai sobrar uma borra no fundo do pote, e ela estará lotada de microorganismos. Ao invés de lavar o pote, pode adicionar mais aveia e água, pois essa borra vai colonizar a nova leva e assim o processo fica mais rápido.

    Fermentando a aveia com outros ingredientes

    Use uma parte de farinha de linhaça, coco fresco, chia e outras delícias misturadas com aveia quando quiser uma receita diferente. Vale até colocar especiarias no meio, como cominho, semente de mostardar e também ervas secas.


    E-book sobre fermentação de vegetais

    Aqui você pode comprar meu livro digital Para Começar a Curtir: Fermentação de Vegetais (R$34), que contêm 18 receitas, poemas culinários, técnicas ilustradas e um FAQ (perguntas frequentes)!

  • You may also like

    Pin It on Pinterest

    Share This