Categoria

sobremesas

  • sobremesas

    Bolo de chocolate

    Uma receita simples demais

    Essa a receita de bolo de chocolate não leva fermento, leite ou ovos, tampouco requer o uso de uma batedeira. Os ingredientes são simples, vegetais e democráticos! Em dias de festa, sirvo com uma calda especial de frutas vermelhas, como na foto. Mas já servi também com calda de chocolate batida com tahine e leite de coco.

    Descobri a receita assim: Nina Rocha (@ninarocha), amiga que muitas vezes divide as panelas comigo nas sextas-feiras, um dia fez para mim um bolo de chocolate de comer rezando, mal podia acreditar que os ingredientes, listados oralmente por ela na ocasião, eram tão simples. Eis que Nina me mandou um tuíte da @cuicadoida com a tal receita escrita de forma curta, sem muitas explicações. Fiz e deu muito certo:

     

    Tenho feito esse bolo há mais de um ano. De lá para cá, troquei a baunilha por extrato de cumaru (deixo as sementes amazônicas descansando dentro da cachaça por pelo menos um mês, e está pronto o extrato!) e testei a temperatura do forno até chegar no ponto que gosto: casca levemente durinha e interior molhado.

    Quando finalmente acertei a melhor versão, escrevi para a @choracuica e ela me contou que a receita é adaptação de um bolo americano “que o pessoal chama de “crazy cake” ou “depression cake”, em referência à Grande Depressão” que rolou nos Estados Unidos nos ano 1930. Na época, as pessoas passavam dificuldades financeiras, então os bolos tradicionais, feitos com ovos e leite, ficaram inacessíveis à maior parte da população. Quem diria que viraria um bolo versátil aclamado pelas pessoas veganas que convivem comigo <3

    Ingredientes para o bolo de chocolate

    3 xícaras de farinha de trigo

    2 xícaras de açúcar cristal (também testei com demerara, fica ótimo)

    1/2 xícara de cacau em pó 100% (pode usar um 50%, se preferir menos amargo)

    2 cl. (chá) de bicarbonato

    1 pitada de sal

    2/3 xícara de óleo de girassol

    2 cl. (chá de extrato de cumaru ou baunilha; ingrediente opcional)

    2 cl. (chá) de vinagre (gosto de usar o de arroz)

    2 xícaras de água

    Modo de fazer

    Pré-aqueça o forno a 180ºC por 10 minutos.

    Numa bacia, misture bem os ingredientes secos.

    Depois, acrescente os líquidos e misture novamente, até a massa ficar bem homogênea. Ela fica bem pesada e grossa, não se assuste!

    Leve ao forno por 40 minutos ou até enfiar um garfo e ele sair bem limpo.

    É fundamental esperar esfriar para desenformar.

    Calda de frutas vermelhas

    2 xícaras de frutas picadas (pode ser framboesa, cereja, morango, frutas silvestres…)

    1 xícara de chá de açúcar cristal ou demerara

    1 cl. (sopa) de óleo de coco

    Para fazer, leve o açúcar ao fogo baixo e espere derreter um pouco.  Adicione as frutas picadas e vá amassando com a ajuda de uma colher de pau. Quando reduzir até chegar num ponto que você considera bom para passar no bolo – tenha em mente que ela vai reduzir ainda mais depois de fria – adicione o óleo de coco para conferir um brilho extra. Desligue o fogo e aguarde esfriar.

    Se fizer o bolo e gostar, considere postar fotos e me marcar nas redes sociais 🙂


    A foto do post é da @taiobabrava

    Pós-produção da Marcela Dini (@marceladini)

    Produção artística da Maria Fernanda (@cozinha.ambua), que contribuiu decorando com a flor comestível lamparina chinesa, que eu adoro catar no jardim dela. O nome científico, a quem possa interessar: Abutilon striatum.

  • bebidas / sobremesas

    Geladinho de leite de coco fresco e limão

    A gente precisa cozinhar em casa. Nem que seja bater um sucão simples pela manhã observando a cor que vai se formando enquanto tomamos um respiro profundo. Nem que seja um creminho de uma panela só ao invés de pedir um rango pelo aplicativo, que nem sabemos como e com o que foi feito. Nem que seja uma vezinha só por semana.

    Continue Reading

  • bebidas / sobremesas

    Que tal um chocolate quente?

    Minha mãe fazia chocolate quente com muita frequência e isso me traz memórias felizes da infância. Hoje em dia faço minha própria versão nos dias que tô afim de tomar coisinhas quentinhas e gostosas. Uma espécie de autocuidado mesmo, sabe?

    Filmes para assistir tomando esse chocolate quente

    Comecei, de uns dois meses para cá, a fazer lista de filmes que assisti e gostei bastante. Elegi três que possivelmente renovarão sua fé na humanidade, para tomar essa delícia. O primeiro é “A Ganha Pão” (The Breadwinner), que conta a história de uma menina afegã que desafia o regime Talibã com todo o seu feminismo. O longa toca profundamente ao mostrar a situação da fome, bem como a importância das sementes e da agricultura. Já “Pachamama”, que se passa na Cordilheira dos Andes, traz como personagem principal um menino que vive numa aldeia na e sonha em ser um líder xamã. Já dá para imaginar o que vem por aí, né? Por fim, não deixe de ver um dos meus preferidos: Sete Minutos Antes da Meia Noite (A Monster Calls! O personagem principal passa por momentos perturbadores ao lidar com a doença da mãe, até que um um Freixo, uma árvore centenária, chega para contar três histórias. Todos esses filmes me fizeram chorar, então prepare-se, tá?

    Continue Reading

  • sobremesas

    Calda agridoce de jabuticaba

    A alegria de aguardar a sazonalidade das frutas

    Caqui é minha fruta preferida. Ao invés de ficar triste por ela não estar disponível o ano inteiro, vibro de felicidade com a chegada da sua época lá pelo mês de maio. Em fevereiro já começo a salivar pensando na hora de cortar em gomos, ralar casca de limão por cima e encher a boca com aquele suco tudo. Afora as geleias, caldas doces e salgadas, tortas… chega a ser pornográfico pra mim!

    Continue Reading

  • sobremesas

    Barrinha de cereal pedaçuda

    Essa barrinha faz sucesso por onde passa!

    A verdade é que faço várias versões dela, usando os ingredientes mais baratos que encontrar. E isso depende do lugar onde compro e da época também. A ideia é brincar bsatante, inventar combinações, tirar uma coisa aqui e colocar outra ali.

    Observando os ingredientes-base, que cito abaixo, o resto é complementar.

    Continue Reading

  • sobremesas

    Canjica doce feita com leite de coco

    Comida casaquinho

    Tenho falado muito de comida afetiva por aqui. Canjica doce é uma delas, pois tem gosto de festa junina e por isso me lembra música, tradição, mato, quadrilha, pescaria de mentirinha com direito à brindes, correio do amor, fogueira, quentão na mão e quentinho no peito. Ah, as noites de São João! Pensando nessa festança, eis uma canjica doce feita com leite de coco fresco, engrossada com pasta de amendoim e crocante de coco por cima.

    Continue Reading

  • para guardar na geladeira / Receitas / sobremesas

    Chips de coco seco

    Esse chips prático e rápido é perfeito para levar na bolsa e lançar mão naquelas horinhas que a fome bate, já que, além de muito saboroso,  quando chega no intestino estimula um hormônio que manda para o cérebro a informação de “saciedade”.

    Sou tão louca com coco que já postei várias receitas com esse ingrediente aqui no blogue, é só digitar “coco” no campo “procurar” para você acessar todas elas. Aqui você encontra uma receita de geladinho de limão com leite de coco, por exemplo.

    Continue Reading

Pin It on Pinterest

Entrar na lista de espera Inscreva seu e-mail para receber um aviso quando o produto entrar no estoque!